22 de mar de 2012

O circo da noite por Erin Morgenstern

O Circo da Noite

Sob suas tendas listradas de preto e branco uma experiência única está prestes a ser revelada: um banquete para os sentidos, um lugar no qual é possível se perder em um Labirinto de Nuvens, vagar por um exuberante Jardim de Gelo, assistir maravilhado a uma contorcionista tatuada se dobrar até caber em uma pequena caixa de vidro ou deixar-se envolver pelos deliciosos aromas de caramelo e canela que pairam no ar. Por trás de todos os truques e encantos, porém, uma feroz competição está em andamento: um duelo entre dois jovens mágicos, Celia e Marco, treinados desde a infância para participar de um duelo ao qual apenas um deles sobreviverá. À medida que o circo viaja pelo mundo, as façanhas de magia ganham novos e fantásticos contornos. Celia e Marco, porém, encaram tudo como uma maravilhosa parceria. Inocentes, mergulham de cabeça num amor profundo, mágico e apaixonado, que faz as luzes cintilarem e o ambiente esquentar cada vez que suas mãos se tocam. Mas o jogo tem que continuar, e o destino de todos os envolvidos, do extraordinário elenco circense à plateia, está, assim como os acrobatas acima deles, na corda bamba.

Autora: Erin Morgenstern
Editora: Intrínseca
ISBN: 9788580571608
Páginas: 368
Nota: 

Não sei o que me fez acreditar quando coloquei as mãos no livro, que eu tinha encontrado a perfeita mistura de Jogos Vorazes com Harry Potter em uma versão intimista. Iludida? Esperançosa? Isso tudo e mais um pouco. Eu esperava muito do livro. Esperava amar. Esperava uma história magneticamente atraente. Pelo visto escrever no pulso não me fez aprender que criar expectativas só piora as coisas...

Celia e Marco são criados para um duelo. O que é esse duelo? Como? Quando? Por que? Eles nem sabem quem é seu oponente. Ambos foram criados por dois mágicos, por assim dizer, para ser os melhores ilusionistas da época - e, paralelamente, vencer o desafio. E a história se baseia nisso - acompanhar O Circo da Noite, o duelo que se desenvolve passando por várias cidades durante anos e anos.

A premissa é muito boa: um duelo entre feiticeiros que acabam por se apaixonar. A autora foi criativa, soube formular a ideia original, fugir dos clichês da literatura atual. Só que as fórmulas que completavam a história não foram bem medidas, o que poderia ser estendido foi extremamente sutil, dando espaço para muita, muita, muita enrolação.

A história de O Circo da Noite poderia ter sido contada em 150 páginas, até menos. A narrativa é muito lenta, é preciso muita força de vontade para se deixar arrastar durante a história. Se a ideia da autora foi aumentar o mistério no decorrer dos capítulos em que permanecemos no escuro de informações sobre o duelo, tudo que conseguiu foi me deixar frustrada. Ou você se entrega completamente ao Circo da Noite, ou pena ao avançar. Em meio a minha ressaca literária, tudo que consegui foi ficar ainda mais cansada.

Uma boa sacada de Erin foi fazer vários pontos de vista na história. Praticamente todo o personagem com o minimo de relevância, teve um fato narrado através de seus olhos, mesmo que em terceira pessoa. Embora eu quisesse um pouco mais de Celia e Marco - o romance é muito sutil -, gostei de ver a história por outros personagens que não os principais. São todos bem formados, e achei interessante que, se era para ficar no escuro, ficamos juntos - eles juntam os pontos mais complicados ao mesmo tempo que o leitor, ou seja, não temos problema por estar mais atrás ou com pessoas que não enxergam o óbvio.

Um livro que se não fosse tão lento, seria ótimo. Claro, ainda assim não seria um mix de Jogos Vorazes com Harry Potter - é querer demais, não? - mas mesmo assim, muito bom. Infelizmente, a narrativa não faz isso - e as três estrelas que dei pro livro foi pela premissa criativa e sem clichê. Se você estiver afim de uma história diferente e disposto a se entregar, eu recomendo, pois O Circo da Noite não é nenhum livro só para passatempo. Ah, a lombada é linda!
Bjs,
Para vc que me ama, Girlie Poderosa

2 comentários:

  1. Eu até pensei em comprar esse livro (aquela coisa de julgar os livros pela capa), mas depois de algumas resenhas que li (poucas, por sinal, que não falavam maravilhas sobre esse livro), até perdi a vontade. Mas nesse tempo que parece que alguns blogs meio que puxam saco da editora por causa de parceria, foi ótimo ver mais uma das poucas opiniões que me pareceram sinceras.

    http://smell-likeoldbooks.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Esse é um livro que eu compraria pela capa, achei muito diferente e bonita, e a lombada também, ficaria perfeita na minha estante! =) Mas esse livro dividiu as opiniões, há quem ame e há quem odeie. Acho que se eu estiver num bom dia, ou numa boa semana, me arriscaria a ler esse livro,apesar de saber que só depois das primeiras 50 páginas que a história engata neh?!... "O circo da noite" vai ser daqueles livros pra ler sem grandes expectativas,com muita paciência e sem pressa pra saber o final. Mesmo com resenhas tão diferentes que eu li até agora, eu continuo curiosa a respeito. Eu assisti a uma caixinha de correios (não me lembro quando nem onde) e vi que o trabalho que fizeram nesse livro ficou lindo, a capa com um brilho bacana, a lombada, a contracapa e em cada capitulo um desenho bonitinho. Acho que vale a pena conferir! (apesar de essa história de circo me lembrar "Agua para elefantes e "A maldição do tigre" e eu saber que não tem nada a ver)
    Beijinhos

    ResponderExcluir

E chegamos a parte maravilhosa em que vocês participam do blog comigo! Deixe sua opinião sobre o que leu/viu, só com alguns poréns:
- Comentários ofensivos à autora do blog ou outros comentaristas não serão aprovados.
- Comentários preconceituosos ou/e de caráter sexual não serão aprovados.
- Comentários anônimos não serão aprovados, a ferramenta só está ativada pela liberação de comentários com NOME+URL de pessoas não cadastradas no Google, etc.
- Comentários unicamente de divulgação não serão aprovados.
- As respostas serão feitas na página de comentários, em caso de mais urgência, utilize a ferramenta "Contato" na lateral.
Tirando essas pequenas regrinhas, fiquei a vontade! O espaço é de vocês :D Aliás, obrigada pelo comentário!